segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

ANICETO PEREIRA DE ARAÚJO

Sábado, às 21:30, faleceu o Maçom Aniceto Pereira de Araújo, obreiro da diretoria da ARLS Constância e Lealdade, onde ocupava a função de Chanceler. Iniciou na Maçonaria em 09/10/1958. Grande incentivador da Ordem DeMolay, onde era ativo no Conselho Consultivo do Capítulo Francisco de Sousa Filho,  liderou o retorno dos Maçons ao desfile  cívico-militar da independência, em 13 de agosto de 2009 foi homenageado com a maior condecoração do Grande Oriente do Brasil, Comenda da Ordem do Mérito D.Pedro I , em novembro último foi elevado ao Grau 33, mais alto degrau da Maçonaria. Homem de bem e de qualidades múltiplas. Deixa saudades.* 17/04/1924  - 24/12/2011  + 

Foto: Ocupando sua função de Chanceler


                                    Foto: Junto com os DeMolay´s no aniversário do Capítulo

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Como faz pra dizer tchau ?




Esses dias estava num local que não devia existir. Lugar onde se deixa filho por desprezo, por falta de cuidado,de carinho, de saúde, atenção...  Lá é bem arejado, tem comida bacana, brinquedos, mesinhas para fazer lanche, salão grande pra correr e brincar, mas é desprovido de carinho de mãe e pai. 

Quando cheguei  ja estavam as Filhas de Jó, uma juventude compromissada fazendo a festa. Fui me integrando bem devagar para não chamar a atenção e intimidar os miudinhos, tendo em vista que o penetra era eu.


Crianças são todas iguais, só mudam o nome e endereço, gostam de atenção e amor. Todas choramingam a noite com medo do bicho papão, fazem uma bagunça danada pra dormir, morrem de fome, mas só comem duas colheradas, gritam de cede, mas não tomam nenhum gole. Xixi, tem febre.... essas coisas. Mas, nem todas tem os mesmos direitos. Ter carinho,medo da bruxa, fraldinha trocada, febre cuidada, enfim, coisas simples as vezes são artigos de luxo.

Lamentavelmente e só por necessidade existem lar de criança abandonada. É um lugar frio, onde o grito ecoa, onde se cresce sem referencia de família. Orfanato é um lugar onde o filho chora e a mãe não escuta.

Naquele dia, quando da despedida, Talita me fez uma pergunta, de forma muito simples e direta, e assim como eu, estava de saída....... Ainda hoje não sei como responder.... 

COMO FAZ PRA DIZER TCHAU ?

Ao visitar uma dessas casas que acolhe criança abandonada, você também não saberá se despedir...









segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

MOBILIZAÇÃO PELA RETOMADA DAS OBRAS DA TRANSPOSIÇÃO



Mobilização pela Retomada das Obras da Transposição do Rio São Francisco e Inclusão do Rio Piancó. Convocação ém feita pelo Padre Djacy

Em alguns lotes, as obras da transposição pararam. Por quê? Falta de dinheiro? A transposição deixou de ser prioridade? E agora, o que fazer? E o rio piancó, não será incluído nesse projeto de transposição? Por que tanto silêncio? O rio piancó, vai ou não vai receber águas do velho “Chico”?

Como reação à paralisação dessas obras e ao silêncio sepulcral sobre a inclusão do rio piancó no projeto de transposição, será realizada uma grande mobilização popular visando chamar a atenção do governo federal para essas duas situações.

Chegou a hora do povo cobrar,exigir  do governo federal agilidade na execução desse projeto tão salutar para a região do semi-árido nordestino,de modo bem particular,para nossa Paraíba.

O povo sofrido do vale do piancó quer que o rio piancó seja incluído, de qualquer forma, nesse projeto de transposição.
Nessa mobilização popular, o povo do vale do piancó vai gritar, clamar, para que o sonho de receber águas do rio São Francisco,através do rio piancó, torne-se uma realidade concreta e existencial.

DATA: 13 DE DEZEMBRO (Terça-feira)

LOCAL: À BEIRA DO RIO PIANCÓ, EM BOAVENTURA-PB

HORA: 9:00h DA MANHÃ

Fone (83) 8779-2218

Pedra Branca-Pb, 05 de novembro de 2011

Padre Djacy Brasileiro, no vale do piancó.